A Lunática

Minha foto
Belém, Pará, Brazil
Nutricionista. Canta por aí. Escreve sobre o que vë, ouve e imagina. Ela é aquariana, rapaz uma eterna colecionadoras de momentos e de pessoas. Inconstante e com uma personalidade gigante assim como o mar. A diferença é que ela vai, mas não volta.

sábado, 29 de novembro de 2014

Tem Gente Que Deixa Para Ser Feliz No Dia Seguinte...

 Da série presente de texto escrito por um grande amigo!


Saudade! Sentimento? Dor? Ou vontade de aproveitar mais e melhor o que passou? Palavra de muitas rimas, sina da vida é querer o que já se foi. Perco o hoje pensando no ontem, mal percebo o amanhã. Acorda, olha o sol lá fora, ele clama por você. Afinal, a vida é assim, já não se olha nos olhos, já não se olha pra cima, já não se admira o clima. E sem clima a gente procura o que querer, sem saber, sem viver, apaga a luz, deita aqui, tudo o que quero é você.

Às vezes, tudo que procuramos é alguém para nos ouvir e uma mão para apertar, e pouco importa em que velocidade o mundo gira, o melhor é ficar sem ar, te abraçar, procurar o chão e não encontrar. Depois de um tempo, a gente descobre que saudade tem cheiro, corrói por dentro, porque saudade dói e é forte o suficiente para tirar lágrimas até de um homem, gera uma sensação marcante de estar dentre tanta gente, mas se sentir como uma planta sem raiz, sem vida, sem cor, sem amor.

E quando a noite vem, traz o vento frio que pede seu calor, traz um céu estrelado e um clima de romance, traz a lua que impera e pergunta: por que tem gente que deixa para ser feliz no dia seguinte?