A Lunática

Minha foto
Belém, Pará, Brazil
Nutricionista. Canta por aí. Escreve sobre o que vë, ouve e imagina. Ela é aquariana, rapaz uma eterna colecionadoras de momentos e de pessoas. Inconstante e com uma personalidade gigante assim como o mar. A diferença é que ela vai, mas não volta.

quinta-feira, 10 de janeiro de 2013

Sobre Eles Dois | Se isso não é amor, eu não sei o que é


Ele queria consertar, lutou, insistiu, chegou até a procura-la, tentou fazer tudo diferente... Teve noites que ficou sem dormir pensando em como reaver o erro, tentou de todas as formas e ela disse que queria um tempo, um momento pra pensar e ponderar as situações... Queria ver se ele realmente estava decidido a mudar e fazer tudo diferente. 

Os dias foram passando, ele muito apreensivo olhava no telefone toda hora imaginando que algum sms chegaria ou que até mesmo ela ligaria dizendo: "Amor, pensei em nós dois". Tive a conclusão que preciso acreditar e mais uma vez tentar dar uma chance e continuar a nossa história que mesmo com muitos atropelos é a mais linda que já vivi. 

Mas nada. Ela ainda não havia se decidido. 

Passou-se os dias, ele começou a acostumar -se com a rotina noturna sem ela por perto; vez ou outra ele pagava-se imaginando de que foi por muito pouco que ele não fez ela a mulher mais feliz do mundo, pois ele tinha ido falar com ela e dessa vez ele tinha ido com toda honestidade e singeleza de coração, mas infelizmente a dor que ele causou a ela foi tao grande que ela levou muito tempo pensando e fez com que ele se acostumasse a viver sem ela. 

Infelizmente, o tempo leva embora o AMOR, leva sim, tenha certeza disso. O que fica de um grande amor é apenas boas lembranças e nas lembranças de um grande amor até os maus momentos tornam-se boas lembranças, mas somente, infelizmente é só o que fica de um grande amor. 

O tempo leva e apaga. Apaga como o vento apaga uma pegada na areia, apaga e não traz de volta nunca mais!!! Ele tocou a vida dele adiante. Ela também. Ambos encontraram novos amores, mas ficou marcado na memoria dos dois momentos que nem mesmo o tempo foi capaz de apagar!!! 




Texto Original de Alexson Assis

Obrigada pela confiança!
Um dos textos mais verdadeiros que já li.
Fiquei imensamente feliz por receber um sim ao meu pedido 
de publicá-lo no Jeito Lunático.