A Lunática

Minha foto
Belém, Pará, Brazil
Nutricionista. Canta por aí. Escreve sobre o que vë, ouve e imagina. Ela é aquariana, rapaz uma eterna colecionadoras de momentos e de pessoas. Inconstante e com uma personalidade gigante assim como o mar. A diferença é que ela vai, mas não volta.

sábado, 9 de fevereiro de 2013

Walk On


And I know it aches

"How your heart it breaks
You can only take so much
Walk on! Walk on!"

[Texto Escrito ao som Walk On da Banda U2]



Clichê: Nada é por acaso, tinha que acontecer.
Fechamos olhos pra tentar tomar importantes decisões, nesse caso uma importante e difícil decisão: Perdoar. Perdão: Palavrinha que mexe e remexe e nunca vem sozinha quando precisamos. Sempre acompanhada de culpas e desculpas. Costumo dizer que a palavrinha desculpa é tão mais fácil. Usada pra qualquer ação que tenha como conseqüências mágoas e dor. Principalmente a dor. Parece mais uma fila de dominós. Se derrubarmos a primeira peça - confiança.

Não há peso e nem mais sinceridade em pedidos de desculpas. É robótico. E fácil. Fácil pra quem pede. Se compararmos as palavras Perdão e Desculpa, preciso dizer qual é a mais forte? Não use desculpas. Isso só torna tudo mais doloroso. Aprenda o significado da palavra perdão, embora muitos não saibam e não possuam essa capacidade. Talvez seja esse o motivo de tamanha dificuldade em usá-la de vez em quando. De vez em sempre Antes de um pedido de perdão coloque-se no lugar da pessoa em questão, pergunte se fosse você? Você perdoaria? Esqueceria? Seria capaz disso? E não adianta dizer que "Eu perdôo, mas não esqueço" Isso não existe!  Se você fechar os olhos e decidir que perdoará, você deverá esquecer, caso contrário, use da mesma sinceridade que teve para consigo e diga que não, no momento você não pode, não consegue. A ausência de sinceridade e presença de sarcasmo nessas horas só consegue machucar ainda mais.

E por favor, por favor não omita os fatos, não espere o tempo passar, não perca esse tempo. Segundos que se passaram jamais voltarão. Se perderes o compasso do tempo o que tiver pra ser resolvido, não será. E o silêncio não é o melhor amigo quando se trata de resolver questões que envolvam vidas e sentimentos que se colocaram à prova. Perdoar da forma que tem que ser não é pra qualquer um, muito menos pra todos. Se você não consegue perdoar, use como pedido de perdão a sua sinceridade. Ela vale muito.

Por aprender/entender o grande e difícil significado do perdão: Não consigo pedir desculpas, mas desculpo porque não esqueço. Eu definitivamente não sei perdoar.  Mas sei ser sincera. Com os outros e comigo mesma.




Meu eterno professor e amigo Fagner Freitas:
Obrigada por trazer minha inspiração.
E um obrigada por fazer com que eu deixe minha total sinceridade nesse texto cujo tema envolvido foi sugerido por você